quarta-feira, 28 de setembro de 2011

Georg Flegel


Georg Flegel
1566-1638

O primeiro pintor alemão a dedicar-se à natureza morta

Georg Flegel nasceu em 1566, na Boémia, provavelmente em Olmutz. Cerca de 1594, vivia em Frankfurt, onde três anos mais tarde requereu cidadania para si e sua mulher. Nessa ocasião, o seu patrocinador era o pintor Lucas van Valkenborch, que aparentemente, empregou Flegel como auxiliar para as naturezas-mortas nas suas obras.
Cerca de 1600, Flegel estabeleceu-se por conta própria. As suas primeiras pinturas eram constituídas por grupo de poucos objectos desenhados e forma vaga, dispostos sobre o tampo de uma mesa, frequentemente entremeados com minúsculos insectos e animais. O seu contorno era meticuloso, sendo as flores e os animais cuidadosamente estudados. As suas composições posteriores foram mais ricas e intrincadas, construídas em linhas diagonais de um modo já característico do barroco.
Em 1627, Flegel empregava um assistente, o que indica que, se o interesse alemão pela natureza-morta não tivesse sido detido pelas guerras religiosas, poderia ter sido o fundador de uma importante escola.
Georg Flegel morreu de Frankfurt em 1638. Entre os tesouros do grande coleccionador arquiduque Leopold Wilhelm, vinte anos depois da morte de Flegel, foram encontradas doze pequenas naturezas-mortas de frutos de sua autoria, todas de tamanho igual e em molduras idênticas, com o fim claro de virem a constituir uma série.

 Still Life with Stag Beetle, 1635
Óleo sobre madeira,
Wallraf-Richartz Museum (Cologne, Westfalen, Germany)

Armário, 1610
Óleo sobre tela, 62 x 92 cm
Galeria Nacional, Praga, República Checa

Sobremessa
Óleo sobre madeira 28 x 22 cm
Alte Pinakothek, Munique, Alemanha

Sem comentários:

Publicar um comentário